Mulher que deu nome à Lei Maria da Penha quer punição a secretário

secr

Maria da Penha Fernandes quer que secretário-executivo de Governo da Prefeitura do Rio, Pedro Paulo Carvalho, seja punido por ter agredido ex-esposa em 2010

O secretário-executivo da Prefeitura do Rio de Janeiro, Pedro Paulo Carvalho, afirmou ao jornal “Folha de S. Paulo” que, em 2010, cometeu um ato de agressão contra a ex-mulher. Porém, ele avalia não se enquadrar na Leia Maria da Penha por considerar “uma única briga de casal” e, também, “um episódio de descontrole”.

A farmacêutica Maria da Penha Maia Fernandes, que deu nome à lei contra a violência às mulheres, criticou o secretário. Ao jornal “Extra”, ela disse que Carvalho está usando do prestígio político para amornar a penalidade que deveria cumprir em função do crime.

“A Maria da Penha não distingue agressão. Com essa fala, ele quer burlar a lei. Seja pessoa pública ou não, ele é um agressor e tem que ser punido”, avalia.

 

Fonte: http://www.noticiasaominuto.com.br/justica/154793/mulher-que-deu-nome-a-lei-maria-da-penha-quer-punicao-a-secretario

Léo Duarte

Leonardo Duarte: Ex-menino de rua, hoje Fotógrafo, Educador Social e Conselheiro Tutelar.