Assumidos como casal, pai e filha tentam evitar perda da guarda de bebê fruto de incesto

algemas

Homem acusado de abuso sexual revelou na justiça que a relação com a menina adolescente foi consentida. O incesto não é crime na Espanha, onde aconteceu o caso

Um espanhol de 36 anos e sua filha adolescente de 18 relevaram ter um relacionamento incestuoso durante um julgamento na Espanha que analisa com quem fica a guarda do bebê gerado pelos dois.

Acusado de abuso sexual, o homem apenas identificado como Cris e sua filha, Sara, insistiram perante o juiz que a criança foi fruto de uma relação consentida.

O bebê foi levado à um abrigo desde que a guarda temporária foi dada ao Estado depois que a mãe de Sara denunciou o ex-marido à polícia por abuso.

O casal, que agora tornou público o relacionamento, espera retomar a guarda da criança nascida em novembro.

“Nosso relacionamento começou como qualquer outro, com flerte e confiança”, disse Cris ao jornal local “Crônica Balear”. “Até podemos ser pai e filha, mas ela nunca me viu como um pai porque sou muito mais um amigo do que uma figura paterna”, afirmou.

Para Sara, seria melhor ver a criança crescer com a família do que ser dada para adoção ou permanecer em um abrigo, mesmo com todo o preconceito que pode vir a enfrentar. “As pessoas dizem que [o relacionamento] é errado, bem eu respeito a opinião delas, mas não me importo”, contou ao jornal.

FONTE: http://revistamarieclaire.globo.com/Web/noticia/2015/12/assumidos-como-casal-pai-e-filha-tentam-evitar-perda-da-guarda-de-bebe-fruto-de-incesto.html

Léo Duarte

Leonardo Duarte: Ex-menino de rua, hoje Fotógrafo, Educador Social e Conselheiro Tutelar.